Passou mais de um ano! E eu nem te contei…

Fala amigxs, andei sumido né? Mas só até hoje. 😀

Lembram de mim? Renato Caliari. Oras, são ou não são amigxs? 🙂

Não sei se recordam, mas antes de eu desativar meu facebook em fevereiro de 2015 eu perguntei quais pessoas amigas gostariam de receber notícias minhas ao longo do tempo.

Você foi uma das que deu seu email pra eu manter contato na época.

Bom, até aqui eu falei no plural pra saberem que estou mandando essa carta pessoal para as pessoas que pediram notícias.
De agora em diante, tratarei no singular, sabendo que estou falando com você.

Imagine como se tivéssemos sentados tomando um café, enquanto falo um pouco da minha vida. É assim que estou imaginando enquanto escrevo.

Aliás, fui além, e até imaginei o cheiro do café.

Pausa. Vou tomar um e volto.

 

1, 2, 3, …, 48, 49…

 

Pronto, voltei. 🙂

 

Ah, percebeu esse meu endereço de email novo? Estou usando o renato@kisimples.net em vez do email renatoac82@gmail.com, que ainda funciona. Quer saber o motivo? Estou planejando novidades pro meu projeto chamado KiSimples. Aguenta aí, no fim do email conto mais.
Então, desde aquela época em que me pediu pra te mandar notícias, eu já até ativei o facebook novamente, e outras coisas foram acontecendo.

Eu escrevi sobre a minha experiência de ficar sem facebook por 5 meses nesse texto:http://bit.ly/1Wdq8Gh.

 

No texto eu falo também da experiência somada de não ter um smartphone.

É, em pleno século 21, trabalhando com internet, e o que o Renato faz? Resolve não ter um smartphone.
Sem whatsapp, sem facebook a qualquer momento, sem instagram, sem trocentos aplicativos. Já pensou você sem esse seu computador de mão? 🙂

Aqui está o link novamente para clicar, se tiver curiosidade sobre essas experiências:http://bit.ly/1Wdq8Gh. Se achar o texto legal, clica no coraçãozinho lá embaixo do texto do link. É uma forma de promover o texto sobre a experiência e me dizer se algo que eu disse ali foi interessante pra você. Se você achou uma merda, ignora (rs).
Várias outras coisas aconteceram desde aquela época em que diminuí minha presença em ferramentas como o facebook e whatsapp.

Por exemplo, desde o meio do ano passado estou trabalhando com otimização de conversão de site numa plataforma online de uma empresa. E lá, trabalho 3x por semana. Sim, reduzi dois dias de trabalho na minha semana e com isso também reduzi boa parte do meu salário, comparado ao anterior. Isso gerou vários impactos em minha vida.

Mudei de residência no início desse ano. Estou morando com minha parceira perto do metrô São Judas, linha azul, em São Paulo.

 

Ah é, por falar nela, minha querida parceira se chama Patricia, e estamos morando juntos desde outubro de 2014. Tem sido uma experiência e tanto. Aprendendo um com o outro e nos divertindo.

Em março fizemos uma viagem de kombi por 18 dias, durante as férias. Uhuuu.

 

Olha a alegria das crianças…

Image

 

 

Dormimos, cozinhamos e vivemos dentro da Kombi nesses dias viajando por várias cidades pelo sul do Brasil. É, acho que por essa você não esperava né? 😛

Essas foram algumas das novidades.

 

Sobre essa carta e o projeto KiSimples
Penso em mandar carta de tempo em tempo pra você.

Ainda não sei o formato e a periodicidade, mas pretendo poder começar abranger assuntos relacionados a estilo de vida simples, usando a minha vida como exemplo, citando parte da rotina, parte das experiências e também compartilhando ideias.

Isso pode gerar compartilhamentos sobre diálogo, rotinas e hábitos, exercícios físicos, alimentação, meditação, finanças, etc. O foco principal, que planejo, será como trazer simplicidade a esse temas da vida ou questionar coisas do cotidiano e da vida.

 

Esse projeto tem o nome de KiSimples. Será uma extensão do que comecei lá no medium.com

sem qualquer pretensão e que agora planejo estruturar, primeiro complementando com cartas que mandarei pra amigos que desejam, e depois quem sabe invento mais coisas.

Além disso, você poderá saber um pouco como anda minha vida, o que tenho feito e experimentado.

 

E aí, o que me diz?

O que achou dessa carta?
Sobre o que você gostaria que eu falasse na próxima carta?

Alguma curiosidade sobre mim, sobre alguma experiência que citei nesse email, ou sobre alguma coisa relacionada a estilo de vida simples, diálogo, finanças, exercícios físicos, alimentação, etc? O quê? 🙂

Vamos lá, deixa de preguiça e me ajuda. 🙂

 

Eu posso escolher um tema qualquer desses e falar na próxima carta mas quero também falar de algo que você tenha interesse e curiosidade. Quero manter proximidade com cada pessoa eamigx que tiver recebendo minhas cartas.

Vou ler e responder cada email com carinho e atenção.

Gratidão por me aceitar na sua caixa de entrada e me ler.

Até a próxima,
Renato.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *